12ª Conferência de Assistência Social conta com presença do prefeito e secretária

Na abertura da 12ª Conferência de Assistência Social, “Assistência Social: Direito do povo e Dever do Estado, com financiamento público, para enfrentar as desigualdades e garantir proteção social”, promovida pela Prefeitura de Candeias, por meio da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social – Sedas, o prefeito, Dr. Pitágoras Ibiapina, falou das ações que tem desenvolvido para melhorar o cenário social em Candeias, na manhã desta segunda-feira (30/8). Na terça (31), será a segunda manhã de palestra e encerramento da conferência.

“Temos investido na área social no município desde o início da gestão, pois víamos a necessidade da população, assim como foi com a ampliação do Programa de Atenção Integral – PAI; com diversas outras ações, e, agora, com a abertura de novas unidades dos Cras. Mas o cuidado com a população foi mais amplo e investimos em outras áreas. Cuidamos da Saúde, com a abertura do Posto Médico de Urgência e Emergência, logo no início da nossa gestão, no centro da cidade. Agora, abrimos um novo Posto Médico 24 horas em um distrito centralizado, para toda população, que é a Caroba”, explicou o gestor. “E não vamos parar por aqui nas ações para o desenvolvimento do povo”, completou ele.

Em seguida, a secretária de Desenvolvimento e Assistência Social, Soraia Cabral, agradeceu a todo o esforço dos agentes da secretaria, fundamentais para a realização dos trabalhos, e ao subsecretário Gilvanei Pereira. Ela contou a dificuldade do município no começo da administração para proteção da população e dos desafios durante a pandemia. “Eu que sou militante dessa área, sou assistente social por formação e dedicada à causa, sempre lutando pela assistência para as pessoas. ”

Além do PAI e da criação dos quatro novos Centro de Referência de Assistência Social – Cras, os programas de assistência no município foram lembrados pela secretária, como Kit Bebê Feliz, para crianças de um a doze meses de vida, que recebem produtos de higiene e leite em pó especial para crianças lactantes; o Kit Natalidade; o Programa Mão na Massa, que oferece capacitação profissional em Padaria a moradores, que aprendem a fazer os pães e são entregues às famílias cadastradas no Cras. Além da Santa Cesta e da Santa Ceia, distribuídas na Sexta-feira Santa e no Natal, respectivamente; e também do auxílio funeral, fornecido às famílias em vulnerabilidade.

Soraia falou ainda dos novos programas em assistência. “Temos o Programa Municipal de Erradicação da Pobreza Menstrual, aprovado na última semana na Câmara; o programa para transferência de R$200 mensais aos portadores de Transtornos de Espectro Autista – TEA, e de outras necessidades especiais, além da inauguração do Serviço de Acolhimento a crianças e adolescentes, que estão afastadas temporariamente ou definitivamente do convívio familiar, por medida protetiva, e são encaminhados para Casa Lar”. Tanto a secretária quanto o prefeito participaram remotamente do evento.

Palestra sobre Assistência como Dever do Estado

A Palestra Magna foi realizada pela especialista em Assistência Social, Rosilene Rocha, que disse ter ficado feliz com a criação dos novos Cras no município. “É uma alegria ouvir o prefeito falar da expansão do Cras com recursos próprios, em Candeias. Ação que não tem tido investimento da parte do Governo Federal desde 2016, no Brasil”, enfatizou Rocha.

Rosilene esclareceu que as demandas por acolhimento, proteção e acompanhamento social só tem aumentado no país. “Se temos um aumento nessa procura por assistência com as crises econômica, social e sanitária, como tem diminuído o investimento na área? Sem financiamento público, não temos políticas públicas, o Serviço Único de Assistência Social – SUAS, tem vivido uma situação muito difícil”, mostrou ela, que agradeceu pela oportunidade de estar conversando com os atores do Suas no município, com o prefeito e a secretária Soraia Cabral.

Texto: Nailan Brasil – PMC. Fotografia: Rafael dos Anjos.